Fim de jogo

23 de dezembro.

Em outras épocas, ainda seria dia de futebol por aqui.

Dia de final, inclusive.

Há dez anos, o Corinthians sagrava-se bi-campeão brasileiro ao vencer o Cruzeiro por 2 x 0.

Meu primeiro jogo sozinho no estádio, que tem uma história bizarra.

Tinha eu dois ingressos de um setor e queria trocá-los por um de outro. Ao tentar vender o primeiro, estourou um corre-corre promovido pela polícia e perdi meu ingresso. Fiquei só com um e mais 20 pilas no bolso.

Mas estava obstinado a ver o jogo nas arquibancadas azuis. E consegui vender o ingresso e, com a grana, ir pra azul.

Claro que com isso fiquei sem NENHUM dinheiro pra voltar pra casa.

Mas o Corinthians venceu, 2 a 0, dois gols de Dinei (tá, um do Marcelinho e outro do Edílson, mas pra mim os dois foram do Dinei, que jogou demais).

E eu voltei pendurado na porta do busão, sem pagar, e aprendendo – mesmo a contragoso – como se roubar relógios de otários que andam com o braço pra fora do carro.

Foi um feliz natal de verdade, aquele de 1998.

Hoje, 2008, não tem final mais, nem jogo depois do começo de dezembro.

Então tive que me “contentar” em assistir à decisão do Clausura argentino, entre o gigante Boca Juniors e o pequeno Tigre.

Tigre que precisava vencer por 2 a 0 pra ser campeão.

E que fez 1 a 0 aos 20 do segundo, em falha do goleiro Garcia que, surpreendentemente, foi substituído por isso.

Daí pro final, foi um jogo eletrizante, bom demais.

Final é bom demais.

O Boca acabou campeão, com catimba, Palacio expulso, juiz dando o famoso perigo de gol na área do Boca aos 49 e tudo mais.

E a festa da torcida foi de deixar sem palavras.

Do outro lado, a torcida do Tigre ia embora, triste e cabisbaixa?

Que nada!

Cantavam como loucos.

Afinal, seu time bateu o Boca por duaz vezes no campeonato. E só deixou de ser campeão por um golzinho.

Enfim, uma emoção final pra um ano tão chocho que, ainda por cima, terminou com a morte da lenda Rosa Branca.

Lenda alvi-negra, claro.

Chega logo, 2009.

Anúncios

Uma resposta para “Fim de jogo

  1. Salve Rosa Branca (e preta)!!!

    E Dinei, que incorporou Neco e Corinthianizou a bagaça, há dez anos… Saúde, meu caro!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s